sexta-feira, 18 de setembro de 2009

Rebelion Lies

Antes de tudo, você precisa ter ouvido, ao menos uma vez, Rebelion Lies do Arcade Fire quando ler esse texto…



http://br.youtube.com/watch?v=NNfWC4Sgkcs
Isso é o que você sente quando realmente ouve as batidas do seu coração e se dá conta de que um dia ele irá parar de bater…


É o que sente quando percebe que tudo o que sabe sobre a tua própria existência é apenas intuição e que tudo o que acha real não passa de algo efêmero e ilusório e que a realidade é algo que você desconhece completamente…


É o que sente quando vê que todos os dias você deixa passar algo muito importante e que não está tão atento quanto deveria. Que não tem se empenhando de fato e o tempo está passando…

É o que sente quando entende que a vida que leva está sendo criada por você mesmo e que você é a única pessoa que pode te ajudar. Mudar a sua realidade só depende de você e você simplesmente não sabe o que fazer…


É o que sente quando sabe que está se despedindo - por um período muito longo - de alguém que ama…

É o que sente quando acorda no meio da noite e realmente compreende que está absolutamente só. Que nasceu só e morrerá só. Entre esses dois fatos apenas se ilude que não está só…


É o que sente quando se dá conta de que, definitivamente, não faz parte do meio em que vive. Quando olha tudo a sua volta e pouca coisa faz sentido. Você sabe que está ali por alguma razão, mas não tem ideia do que seja…


É o que sente quando sabe que convive muito menos do que gostaria com as pessoas que ama e muito mais com pessoas absurdamentes diferentes de você. Que você precisa muito aprender algo com essas pessoas e não sabe o que…


É o que você sente quando faz uma longa viagem e sabe que não voltará a mesma pessoa. Essa viagem te transformará completamente. Você vai rever todos os seus conceitos e descobrir que pode suportar muito mais que imaginava…



É o que sente quando entende que experimentou, há pouco, todo seu potencial de bondade. Que ao menos uma vez conseguiu não ser tão egoísta e fez o melhor que você consegue fazer, mas sabe que - apesar de querer ser essa pessoa que você descobriu que pode ser - você ainda não consegue manter essa bondade…




É o que sente quando descobre que mesmo desejando o melhor para alguém que ama, o que você acredita ser certo não é o que a pessoa precisa no momento. Você então entende que não pode mudar o caminho de ninguém - a não ser o seu.


Isso é o que sinto quando realmente ouço Rebelion Lies.

14/10/2008

Nenhum comentário:

Postar um comentário