segunda-feira, 10 de maio de 2010

Andy Warhol & Us

O dia estava mesmo com cara de Sampa. Assim meio frio, meio cinza, ameaçando chover. Bem do jeito que nós - Diego e eu - gostamos.
Perfeito para ficar em casa vendo filminho de baixo do edredom. Mas queríamos muito ver a exposição do Andy que estava acontecendo na Pinacoteca.
Lá fomos nós: ônibus, metrô, Estação da Luz! Chegamos às dezesseis horas. Nem deu tempo de visitar o Parque da Luz - ficou para a próxima.
A exposição nem era na Pinacoteca, mas na Estação Pinacoteca. Tudo lotado!
Não conseguimos sequer olhar direito as obras, mas saí de lá com a minha magnífica caneca campbell´s.
Legal mesmo foi termos passado na lojinha da Imprensa Oficial - que fica na Estação da Luz.
Milhares de livros sobre cinema. Os olhinhos do Diego brilharam e brilharam ainda mais quando achou um livro que ele queria há tempos. Saímos de lá felizes da vida. No final das contas saímos no lucro.
Nosso estômago deu sinal de vida e lá fomos nós de novo: metrô, Consolação, Center Três!
Enfim matamos a fome e dessa vez não derrubei o prato no saguão lotado do shopping - como fiz da outra vez.
De repente, chuva!
Era o que faltava para querermos voltar correndo para casa.
-Mas como? - nos perguntamos.
-Guarda-chuva novo, oras! Xadrezinho de vermelho e azul - uma graça!
Depois de dez minutos de espera desistimos do ônibus e fomos de táxi.
No caminho resolvemos parar no mercado e comprar um vinho e queijos.
Quase chegando em casa -enquanto o sinal estava fechado - ele me pede um beijo - ali mesmo sob a chuva que o guarda-chuva novo mal protegia.
O beijo estava bom, muito bom, mas o maldito invejoso que, passou de carro e, nos molhou dos pés à cabeça não era nada bonzinho.
O farol finalmente abriu para pedestres encharcados e em dois minutos estávamos em casa tomando uma ducha quentinha.
De banho tomado brindamos ao fato de estarmos em casa - de pijama e chinelinho -, felizes e protegidos do frio e da chuva, tomando nosso vinho português enquanto o molhador de casais apaixonados ainda devia estar preso num trânsito infernal e caótico. Assim espero!



3 comentários:

  1. hehehe, gostei Adri, vc está totalmente integrada à vida paulistana, mas sem perder o bom humor, estava sabendo da exposição do Andy, muito bom vcs poderem ir, daqui a gente só fica nas noticias mesmo....rs...mas graças a deus o transito ainda não está tão ruim e tomara que esse homem que molhou vcs ainda esteja preso em congestionamento...rs...abraços amiga!

    ResponderExcluir
  2. hahaha
    Adorei a história :)
    Quero uma caneca campbell´s tb!! rs
    beijocas =**

    ResponderExcluir
  3. Dri que história! :)
    Adorei! É gostoso ler o que você escreve... Os detalhes nos deixa ainda mais atento à leitura! Queria ver o guarda chuva... Deve ser mesmo uma graça! "Xadrezinho de vermelho e azul."

    ResponderExcluir